quinta-feira, 21 de abril de 2011

Universo Louco

imagem: google

Estou procurando um poema
que seja a tua cara,
a minha tara
o nosso aconchego...

Meu medo
é o de gatinhos siameses.
Se amam há meses...

Ah louco mundo este,
que me leva a estibordo,
a bombordo,
a estiletes de aço
quando acordo!

O mundo é um navio
que me põe no cio.
No cio das núvens e das estrelas.

A tua cara
a minha tara
e o horizonte sempre ,

neste universo
LOUCO.


A. J. Cardiais

Nenhum comentário: