segunda-feira, 9 de julho de 2012

Ainda Bem Que É Só Desejo

imagem: google

O seu corpo me chama...
Te arrasto pra cama,
me lambuzo, me embriago,
enquanto você
não toma nem "um trago"...

Você não brinda comigo.
Você só brinca...
Você se sente no poder
quando me vê
ardendo de desejo...

Ainda bem que é só desejo...
Pois o desejo, depois de saciado,
acaba passando.

Pior seria se eu estivesse
desesperadamente te amando.
Imaginem o que eu
estaria passando...

AJ Cardiais

Um comentário:

lyracyda disse...

Parabéns poeta!