terça-feira, 13 de maio de 2014

Vida Atormentada















Bate coração... ... ... ...
Não acelere não, por favor.
Mantenha-se nesse compasso,
pois não sei mais o que faço...
Tenho que ver meu amor.

Bate coração... ... ... ...
São horas que ainda não sei.
É madrugada...
Êta vida atormentada!
Acordar na hora errada
para escrever o que me vem.

Bate coração... ... ... ...
Se empolgue, se ame
e ame também.
O amor é um sentimento lindo...
Quando bem vivido,
mesmo ele indo,
a gente sempre o tem.

A.J. Cardiais
11.08.2004
imagem: google

Um comentário:

Andréa Iunes disse...

Bate coração... sempre! Muito bom! Abraço, Poeta!